Festa de Santo Isidro

Santo IsidoroA história de Santo Isidro com a cidade de Ibirajuba começa há 90 anos, quando o Ibirajuba ainda era distrito de Altinho. O Padre Manuel Zacarias, na época, pároco do município, percebendo que a maioria dos moradores do povoado de Ibirajuba eram agricultores resolveu trazer a imagem do santo da Espanha, onde é cultuado como o padroeiro dos fazendeiros e trabalhadores do campo.

A prefeitura da cidade está desenvolvendo um trabalho aprofundado de pesquisa, em que busca a provável confirmação de que Ibirajuba é a única cidade do Brasil que tem o santo como padroeiro. Até o momento, segundo a pesquisa, com exceção de algumas pequenas comunidades na Argentina, a capital da Espanha, Madri, junto a Ibirajuba são as únicas cidades no mundo que cultuam Santo Isidro como padroeiro. Estas informações mostram outra peculiaridade nas devoções de santos no Brasil, que predominantemente tem um histórico de colonização portuguesa, tendo maioria dos padroeiros originados de Portugal.

Ibirajuba e Madri também têm em comum a periodicidade dos festejos em nome do santo. Em Madri, são dedicados cinco dias de celebração, chamado lá de Quinário. Já em Ibirajuba as festividades vão além dos cinco dias, realizando-se uma novena (nove dias). Ambas as cidades iniciam seus festejos no dia 06 de maio.

IMG_1009

Conheça a história do Padroeiro de Ibirajuba

 

Santo Isidro nasceu em Madri (Espanha) na metade do século 12. Grande parte da sua vida trabalhou como empregado rural no campo. Maravilhas acompanharam a sua vida e por muito tempo o acompanharam após a sua morte.

Ele foi favorecido com visões celestiais e dizem que os anjos algumas vezes o ajudavam nos campos. Foi canonizado em 1622. Conta a tradição que denunciaram ao seu patrão que ele ia a igreja rezar e por isto chegava tarde ao trabalho. Certa vez o patrão escondeu-se no matagal a meio caminho entre a igreja e o campo, onde na ocasião o flagrou. Após repreendê-lo, voltaram para o campo onde maravilhados, viram que os bois estavam sozinhos, lavrando o campo onde era para Isidro lavrar. Em 1947 foi proclamado patrono da Conferência Nacional Rural dos Estados Unidos. É o padroeiro dos fazendeiros e trabalhadores do campo.
Entre outras tradições, também contam que após sua morte, houve uma forte chuva no cemitério onde haviam enterrado seu corpo. Tamanha foi a força da chuva que removeu parte do solo do cemitério, na qual seus restos mortais foram arrastado para fora da terra e constando-se que ainda não havia entrado em decomposição, mesmo com muito tempo depois de seu sepultamento.

Que os homens do campo, lavradores, agricultores, a exemplo de Santo Isidoro, façam do seu trabalho diário um meio perfeito de santificação.
E que Santo Isidro interceda por todos quantos tiram a terra o seu sustento e o alimento de milhares de mesas. Amém!