Programa Mãe Coruja Pernambucana

MCPO Programa Mãe Coruja Pernambucana tem como objetivo garantir a atenção integral às gestantes usuárias do Sistema Único de Saúde e seus filhos até 5 anos, criando uma rede solidária para redução da mortalidade materna e infantil além da melhoria de indicadores sociais, através de ações articuladas entre os eixos de saúde, educação e desenvolvimento social.
Todas as ações do Programa são realizadas em parceria com os municípios e a sociedade, procurando fortalecer os vínculos afetivos e garantir às crianças nascidas em território pernambucano o direito a um nascimento e desenvolvimento saudável e harmonioso.

O Programa Mãe Coruja Pernambucana foi implantado no Estado em 2007 e tornou-se a lei 13.959 em 15/12/2009.

O Programa possui mais de 100.000 mulheres cadastradas e mais de 40 mil crianças acompanhadas pelos 103 Cantos Mãe Coruja.

O Canto é um espaço de acolhimento, onde ocorre o cadastramento e acompanhamento das gestantes. Existem nestes espaços dois profissionais de nível superior selecionados pelo estado para atuarem nos municípios como gestores de monitoramento e acompanhamento, articulando com o município e sociedade as ações do programa para garantia do cuidado com a gestante, criança e famílias do programa no âmbito local.